quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Quando você cantava


Ultimamente você cantava muito essa música , que é mais ou menos assim:
Como uma onda -Lulu Santos
Nada do que foi será de novo do jeito que já foi um dia.
Tudo passa,tudo sempre passará.
A vida vêm em ondas como um mar
no indo e vindo infinito.
Tudo que se vê não é igual ao que a gente
viu a um segundo,
tudo muda o tempo todo no mundo.
Não adianta fugir nem mentir a si mesmo
agora a tanta vida lá fora
e aqui dentro sempre, como um onda no mar
como uma onda no mar .
Te amo minha filha.

Um comentário:

Renata disse...

A coisa mais linda do mundo!!!!!
Tive o prazer, a honra e a alegria de ser sua professora, a criança mais linda, inteligente, querida, amorosa,bondosa,amada e feliz. Eu poderia encher essa página de adjetivos para a Gi e mesmo assim seria pouco. Nunca vou esquecer, sem nenhuma demagogia nunca vou te esquecer e sempre até eu ficar velhinha vou lembrar de você com o maior amor do mundo! Sempre estará em minhas orações! TE AMO PRA SEMPRE!!!! Renata miranda campelo